domingo, 3 de agosto de 2008

À sombra do Promontório (II)




-Eu quere saber aqui, seus desgraçádes, quem é que me rombou os óves, queu já prometi à senhora! Na sai daqui ninguém vive, sus óves na aparecerem!...
Chamavam-se respectivamente: João, Zé e Tónhe.
O mais novo, o António, o tal a quem na Nazaré toda a gente chama Tóne, tentou desculpar-se e disse à mãe:
- Ah! Nha mãe; um Piquene qué dos senhorites trôce à gentes um cartuche com açúcre, e, disse ca gente tinhames óves e insinô a gentes quemèque se fazia e a gentes quemêmes todes; que foi um regale. Chamem-se gemadas! Ah! Mãe é tão bom!...
- O qué queu agora vou dezer à senhora??!! Seus desgraçádes, seus gulóses! Vocêses são a vergonha da nha cara! Agora têm que me dezer quem foi esse menine de pé calçade, que vei prá qui com indeias de gente rica, ca gentes na pode ter, nem per sonhes, nem per pinsamentes! Cante mais pa me irem ós óves!!!?
Ah! Menhés!... Olha que foi ó açúcre à mãe e, a fartura é tanta, que ninguém deu por nada! Isto é falta de indecação!...
Vocêses por hoje passem! Mas na tenhem ilesões, que se voltem a fazer seja o que for, sem minha alterização, troce-vos o pescôçe. Xprimentem!!! Ah! Menhés!!! Menines fines... Gemadas levem eles, se se meterem noutra!... Mas quem é atão o menine? Ô quere sabêre?!!!
- Ah mãe... O menine é o Zé e tem rôpa nova e anda calçade...
- O Zé dôm eu, a vocêses os três! Não há mais brincadeiras com Zés pa ninguém! A-ca-bou-se!!!
No outro dia lá foi a Joaquina a casa da senhora, mas em vez de levar quatro queijos e uma dúzia de ovos, levou seis queijos e quatro ovos.
- Não foi esta a encomenda que eu fiz, mas não faz mal - disse a senhora
- Ah minha senhora desculpe; mas ô ande maluca, cos desgraçádes dos meus três filhes, nunca me tinhem feite uma partida destas, foi p'ra lá um menine na sê de quem, levô açúcre e os meus forem ao ninhe das galinhas e forem todes fazer gemadas. Já les fiz uma guerra!!!
- Açúcar neste tempo? Mas quem é que tem açúcar em tempo de racionamento?
- Ah nha rica senhora... Eles na ma sabem xplicar quem é o menine, mas eles na são mentiroses, queu ameace-os que les corte a língua se me mentem: Dizem que o menine é o Zé e anda calçade.
- Espere só um inatantinho por favor!...
A senhora foi à dispensa e deu imediatamente pela falta do pacote de açúcar que era de meio quilo e, em tempo de racionamento, ela estava a guardá-lo para o fim-de-semana. Chegou-se ao pé da Joaquina e disse-lhe:
- Olhe: já sei quem foi ajudar os seus piquenos a comer as gemadas. Deixe-o vir da escola, que terá de me explicar onde meteu o açúcar. E, você desculpe. Eu já lhe dou os três mil reis da dúzia dos o vos, mas ele vai ter que pagá-los e mais o açúcar, do mealheiro dele, que é para aprender que essas coisas não se fazem!...
Diga-me então, quanto custam os seis queijos e os quatro ovos
- Olhe, ah nha rica senhora os quêjos são seis mêrréis e os óves ópois eu trague mais dois e paga a meia dúzia queu na sê fazer essas contas.
Mas à rica amiguinha, olhe queu na sabia quéra o sê menine. Pa alminha de quem lá tem, na bata ó menine!...
- Não!... eu não lhe bato! Mas juro que ele nunca mais se vai esquecer disto.
- Atão?!!! A senhora é que sabe. Indecação é munte bonite. Eu já fiz a nha guerra ós meus! De certeza tamãe na se esquecerão tão depressa. Munte obrigadinha por tude e mais uma vez desculpe.
Já se afastando ia falando sozinha:
- Oha o queu fui armar ca criatura! Mas olha; já tá já tá! O piquenezinhe tamãe tem c'aprender, que certas coisas na se fazem.
(continua)
Francelina

28 comentários:

Multiolhares disse...

Coisas de crianças, no tempo que não havia guloseimas

beijinhos

Gerlane disse...

Interessante essa linguagem, amiga! Texto escrito de forma leve, brincalhona. Gostei!

Uma boa semana pra ti!

Beijos!

tulipa disse...

E...
PORQUE O VERÃO CHEGOU...
APETECE-ME...
a vida ao ar livre
mas quem aguenta 34 graus na rua?
Só à noite!

Convido-te a veres os festejos na zona da Expo, junto ao rio, com uma aragem mais fresca.
Ou preferes umas mini-férias na Isla Canela?

Bom Verão.

Borboletinha Lilás disse...

Infelizmente, por razões pessoais, precisei mudar o dominio do meu blog. És uma pessoa importante para mim, por isso vim lhe deixar meu novo link, e gostaria muito de continuar contanto com tuas visitas. Quando o visitar, saberá a quem pertence.
Um grande beijo e aproveito para lhe desejar uma ótima semana.

Borboletinha Lilás

www.borboletinhalilas.blogspot.com

Obrigada pelo carinho e pela amizade.

Mariz disse...

Salvé!
ahahahahah! que engraçado post!
Não percebi muito bem, - porque li a correr pois estou na recta final para ir embora - mas essa linguagem é dos Açores...ou do Algarve? é que o general Eanes, com quem trabalhei de perto e durante algum tempo, também acabava as frases em "e"!!!
MAs não parecendo ele era um gozo! Ninguém diz, mas tem um humor fora do comum, palavra! Tratava-me por Manelinha e um dia eu achei que o fato que trazia estava um pouco paertado e disse que ele estava a engordar e que não devia...
então ele respondeu-me: "sabe Manelinhe? Nós - eu e a minha mulher - precisames de manter um equilíbrie financêire. Portante, de inverne come ela mais e no Verão é a minhe vez!" - srsrsr

Agora mais a sério. Não pode faltar a uma celebração lá em casa. Preparei tudo antes de ir embora e não aceito um "não"seu!

Fique bem pois, continue com essa história que quando regressar venho ler mais.

Deixo um beijo carinhoso
Vácom a sua amiga Lena que também está convidada e se quiser levar mais pessoas: "os amigos dos meus amigos...meus amigos são"!
Mariz

ESPAVO! - recohecendo a LUZ que há em si

gaivota disse...

multiolhares
e gemadas, são tão boas...
beijinhossssssssss

gaivota disse...

gerlane
linguagem típica das gentes de mar,
escreve-se como se diz...
boa semana para ti também
beijinhos

gaivota disse...

tulipa
amiga, este mês ficar-me-ei por aqui no meu areal e no meu mar...
andei uma semana por oviedo, depoisssssssssssss, outros destinos
beijinhos

gaivota disse...

borboletinha lilás
és tu quem está presente, isso é que importa!
força!
beijinhos

gaivota disse...

mariz
estes modos de falar e escrever pertencem às gentes da praia, daqui da nazaré...
engraçada essa passagem com o gen eanes...
boas férias, bom spa!
beijinhos

Anita disse...

"Obrigado Senhor, pelo despertar suave e alegre. Obrigado pelo sono que nos deste como uma benção de paz.. Obrigado pelo brilho do sorriso. Obrigada por estares perto, sempre perto, quer seja de dia, quer seja de noite nas nossas vidas!"

Um dia lindo para ti amiga querida.
Beijinhos.
Fica bem. Fica com Deus.
Anita (amor fraternal)

poetaeusou . . . disse...

*
tás toda tesa, miga,
é ifeites do casamenti ?
,
inté logue,
vom ver se alugue
uns chambres ,
,
há chambres,
há rooms
há murres nos olhos,
.
pililipares
,
*

Sophiamar disse...

Amiga linda!

Pelo linguajar da população da Nazaré e que a Francelina tão bem nos dá a conhecer, neste caso graças a ti, mereces a classificação de 20 valores. Estou de férias mas a classificação era inevitável.

Mil beijinhos princesa do mar

Viviana disse...

Olá linda Gaivota,

Mas isto é uma preciosidade!

Que interessante!

Deve ser salvaguardado pois trata-se do património cultural duma gente, com toda uma linda história.

Desejo-le um óptimo fim de semana

Um beijo
Viviana

gaivota disse...

anita
agora sim, uns dias de férias no meu marf, no meu areal
fica com Deus
beijinhos

gaivota disse...

poetaeusou
foi um lindo casamento, uma festa linda e o carinho dos meus meninos grandes a encherem-me de mimos...
viva o hóquei em patins e os seus atletas, s.l.b....
beijinhossssssssssssssssss

gaivota disse...

sophiamar
minha querida, 20 valoresssssssss
obrigada! a francelina é uma linda mulher e sabe contar-nos as histórias das nossas gentes, como poucos...
beijinhos grandesssssssssss

gaivota disse...

viviana
minha amiga, é de facto muito interessante, já são livros que estsa senhora publica e assim se vão mantendo factos e histórias das nossas gentes, bem como os seus jeitos de falar
beijinho e muito carinho

Fa menor disse...

Estas fotos prenderam-me...
Gosto do Sítio...
e da linguagem a condizer!

Beijinhos

Anita disse...

Amiga querida não deixes morrer esse anjo que há dentro de cada um de nós... esse anjo chamado Amor. Esse anjo que dá toda a luz necessária para a nossa vida.

Boas férias.
Muitos beijinhos.
Fica bem. Fica com Deus.
Anita (amor fraternal)

FERNANDA & POEMAS disse...

Olá querida Amiga Gaivota, lindas fotos e o texto está um espectáculo...Gostei e vou continuar a ler a saga!
Tenho fotos de S. Miguel uns recantos que descobri, vê se conheces... Um milhão de beijos desta tua Amiga do coração,
Fernandinha

gaivota disse...

fa menor
coisas e paisagens das nossas gentes... do marrrrrrrrrrrr
beijinhos

gaivota disse...

anita
esse anjo mora cá dentro
é para quem nos estima também!
beijinhos

gaivota disse...

fernanda&poemas
minha querida, estes dizeres e estes locais dignos de tudo o que é mágico!
conheço mal s.miguel, já lá vou...
todo o carinho e
beijinhossssssss

O Profeta disse...

Ai quem me dera agitar o tempo
Atirar a mágoa à voragem da noite
Arrancar as raízes ao pensamento
Sentir a paz que uma lagoa acolhe


Boa férias


Mágico beijo

gaivota disse...

o profeta
aqui tenho um mar imensooooooooo
parece uma lagoa, tantas vezes sem ondas...
beijinhos

Teresa Calcao disse...

Ola querida Gaivota,
Continuacao de um bom verao nessa terra linda,e nesse mar maravilhoso!!!!!
Beijinho grande

gaivota disse...

teresa calcao
obrigada, amiga, a nazaré é lindaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa
tem o maior mar do mundo!
beijinhos