segunda-feira, 27 de abril de 2009

Neve, ainda...

Depios das 17h acaba a "festa", são horas de regressar e as pistas ficam vazias, apenas com as marcas ainda frescas dos skis. Puxa-rabos, ovinhos, tele cabines já fechados e parados até ao próximo dia, e pelas 8h começarão as filas e entradas para subir a serra e mais um dia diferente da rotina citadina...



A Serra Nevada coberta de neve ainda boa para esquiar e brincar. Fim de semana diferente, onde se encontram tantos portugueses que numa fugidinha e "sem crise" aparecem no sul de Espanha, para desanuviar a aceleração diária e tantas vezes constrangedora! Aproveita-se um feriado, ou um fim de semana que se possa coordenar de forma diferente e sair dos afazeres normais do dia a dia, da casa, da rotina. Sabe sempre bem estas escapadelas a quem anda por estas pistas ou simplesmente para descontrair e ver gente noutras actividades... eu não me aventuro nas pistas, nem em cima de skis, pois a minha coluna não autoriza, mas normalmente vou com a família, tomo conta das crianças que precisam de dormir a sestinha e brincar com a neve. É diferente! e vê-los nestas aventuras é delicioso!!! Sempre levo o meu livro, o crochet ou a renda... já que ando numa de cortinas para a casa da minha filha mais velha, e vestidinhos de malha para as minhas princesinhas holandesas, sempre me entretenho e não mexo nos tachos!
A verdade é que de facto se sentem grandes diferenças, a crise existe, sim! e fazem ofertas fantásticas de fim de semana, noites com pequeno almoço e forfaits que se diriam de borla há uns anos atrás... e ainda dá para sentir Granada ou Córdoba ali na zona, tão pertinho!
Andorra ou Sierra Nevada são sempre destinos interessantes e de carregar baterias de uma forma diferente e agradável, e que até nem ficam assim tão longe!

quarta-feira, 22 de abril de 2009

Amigos:


Podia estar aqui, no país dos moinhos, das tulipas, dos queijos

no país onde nasceram e vivem as minhas netinhas, como em Dezembro passado ou há um ano...



Podia estar por aqui no Pico, ou no Faial, absorvendo este marrrrrrrrr, como em Setembro passado...
Na Holanda por todos os motivos e mais alguns que nem preciso enunciar, pois ser mãe e avó com tantos kilómetros pelo meio... não é fácil...
Nos Açores, porque é sempre bonito! e na primavera é mesmo lindo andar por aquelas ilhas divinas...
Mas... não! Cá estou pelo nosso cantinho à beira mar plantado, obras de um lado, mudanças, limpezas e arrumações... e mais obras por outro lado, mais caixotes e mais tralhas...
e mais!, sem computador... vim aqui numa escapadela, enquanto o dono deste pc teve que ir tratar duns assuntos... isto dos wireless, das sofisticadas modernices e instalações muito up to date..., bem, o material é que nem deve ser do melhor! mas refiro-me, obviamente, a quem tenta fazer de conta que até percebe alguma coisa disto... lolololol ... que sou eu!
Vim espreitar e deixar um recadinho, pois tão depressa não poderei visitar ninguém! (penso eu...)
Deixo um beijão grande a todos os amigos e um muito obrigada pelo carinho e amizade que me têm prestado.

sábado, 18 de abril de 2009

Xutos e Pontapés



A última prenda que recebi...(estava a ver que não!) Sou fã incondicional dos Xutos, há 30 anos ou mais!, já do tempo do vynil, que guardo como "colecção, já que nem prato tenho, agora... e todos os trabalhos discográficos publicados em CD fazem parte do meu cantinho musical. (Cheguei a comprar cd's em duplicado... depois oferecia a quem passou a gostar de xutos!) Concertos ao vivo, como o Ermal, há 10 anos, as queimas das fitas em Leiria e Caldas, Pavilhão Atlântico, Casino do Estoril, etc, etc Cantamos, pulamos, convivemos, todos sabemos as letras da nossa banda preferida! Recordo um ano em Leiria em que terminaram o concerto com a marcha do Benfica, "Ser do Benfica", foi o máximo!!! Só o Kalú é que anda noutras águas... é do fcp...

A ti, João, que nos deixaste tão cedo, porque não soubeste dizer o tal "NÃO", deixo o meu carinho.

A ti, Olga, a minha "filhota", agora nas terras da Queen e dos Scottish, por todas as nossas cumplicidades... pela nossa praia, por todas as partilhas, um beijo enorme e saudades, sempre à tua espera...

SEM EIRA NEM BEIRA

Anda tudo do avesso

nesta rua que atravesso

dão milhões a quem os tem

aos outros um passou - bem

Não consigo perceber

quem é que nos quer tramar

enganar

despedir

e ainda se ficam a rir

Eu quero acreditar

que esta merda vai mudar

e espero vir a ter

uma vida bem melhor

Mas se eu nada fizer

isto nunca vai mudar

conseguir

encontrar

mais força para lutar...

Senhor Enhenheiro

dê-me um pouco de atenção

há dez anos que estou preso

há trinta que sou ladrão

não tenho eira nem beira

mas ainda consigo ver

quem anda na roubalheira

e quem me anda a comer

É difícil ser honesto

é difícil de engolir

quem não tem nada vai preso

quem tem muito fica a rir

Ainda espero ver alguém

assumir que já andou

a roubar

a enganar

o povo que acreditou

Conseguir encontrar mais força para lutar

mais força para lutar

conseguir encontrar mais mais força para lutar

mais força para lutar ...

Senhor Engenheiro

dê-me um pouco de atenção

há dez anos que estou preso

há trinta que sou ladrão

não tenho eira nem beira

mas ainda consigo ver

quem anda na roubalheira

e quem me anda a foder

Há dez anos que estou preso

há trinta que sou ladrão

mas eu sou um homem honesto

só errei na profissão

Letra de Tim e música de Xutos e Pontapés

- dirigida a todos, ou apenas alguns portugueses!

quinta-feira, 16 de abril de 2009

Exposição





Fotos tiradas no Centro Cultural (antiga lota da Nazaré) onde decorre a exposição de "Vivências", trajes e cenas de histórias de um ontem sempre presentes no povo nazareno.
Aconselho a visitarem esta exposição, não se vão arrepender, pois além de ser "história" de gente nazarena, também se entendem outros modos de vida, das casas antigas e os costumes do nosso povo
COSTUREIRA
Costureira quem te deu
tão milagrosa tesoura,
com que talhas tradição,
Só se foi Nossa Senhora
que te a enviou do céu
ao escutar tua oração.
Das tuas mãos e teu pé
saem belas obras de arte
do trajo da Nazaré,
da tradição fazes parte.
Vestes da mesma maneira
Praia, Sítio e Pederneira,
com o avental bordado
por todos admirado,
Deus te abençôe, costureira,
pela arte que tens dado.
Maria da Nazaré - "Gente e Mar"

segunda-feira, 13 de abril de 2009

Parabéns, Portugal!


Bem sei que foi apenas um torneio, Montreux, Suíça, mas ganhámos!!! Os nossos rapazes, a nossa selecção foi a campeã!!! Nesta final entre Portugal e Espanha (os eternos rivais...), vencemos 3-1. Parabéns aos goleadores dos jogos deste torneio internacional, parabéns a todos, à nossa selecção, ao seleccionador e treinador e todo o grupo!
O Hóquei em Patins volta a vibrar e a fazer acreditar nos nossos valores, nos nossos rapazes!
Bem... cinco dos dez jogadores, são do benfica............

quinta-feira, 9 de abril de 2009

É Abril

O nosso mar no dia 1 de abril, visto do sítio
O nosso mar, ao norte, na pedra do guilhim, dia 2 de abril
E o pombo impávido e sereno, não importa se há ondas ou vento, ou se o mar está chão e calmo


"Abril em Portugal"
É Abril em Portugal
Não há flores nem verdes prados
Este ano foi assim,
Andamos desencontrados
Agora é Primavera
Temos tempo de Invernia
Tanto aparece o sol
Como chove uma "sarria"
Anda à vontade de Deus
O tempo que faz agora
Mas será que andará?
Ou era melhor outrora?
No Verão, faz Inverno
No Inverno, a Primavera
Com o buraco o ozono
Será que vai haver Outono?
Quatro estações tão bonitas
Primavera, Verão, Outuno e Inverno
Andam só desconcertadas
Que o mundo está num inferno!
Palavras da Francelina Vieira, a nossa poetisa e ecritora, em 1995, no seu livro Nazaré é Poesia

terça-feira, 7 de abril de 2009

A SARDINHA

Esta fica para os gulosos, sabedores e apreciadores desta iguaria dos deuses!

A boa sardinha, batatinhas com pele, saladinha, e um bom vinho tinto, desta vez Duas Quintas...

E a minha princesa aquietou o semblante, agarrando umas migalhitas de pão que ainda estavam sobre o muro
"É modesta a minha casa...
Linda, airosa e branquinha
Há nela sempre uma brasa
P'assar uma sardinha"
e é assim que o Manel nos recebe na Casa Pires, no Sítio da Nazaré!
...e amanhã, Quicas, que há-de ser o almoço?...
"é o c'u mar deriiiiiiiiiiiiiiiiiii"
e deu, peixe do bom... e lá veio a cabeça do cherne com batatinhas e bróculos, que é um aconchego ao paladar e um conforto nesta pausa de mudançassssssssssssssssssss
é assim, é cá e lá... arruma daqui e leva para acoli!


domingo, 5 de abril de 2009

Lembrar o Milo

video

Moamba, banana e cola, isto se come em Angolaaaaaaaaaaaaaaaaaaa

O Duo Ouro Negro e o grupo Raízes, Milo Macmahon, Raúl Indipwo, Mindo, Nelinho, Beto e Nelson, que bom ver-vos e ouvir-vos, sentir e dançar os vossos temas!

que saudades, Milo, já lá vão 24 anos, partiste tão cedo, vítima da tal prolongada doença, de cancro.

Dia 4 de abril de 1985, semana santa, com 44 anos, desencarnaste, deixaste-nos mais pobres, sem a tua companhia, alegria, música, amizade, carinho, companheirismo.

Don't forget your blackground, my friend, meu irmão, meu amigo, meu compadre!

para ti, Milo, aquele beijo e a saudade!

sexta-feira, 3 de abril de 2009

Mais obras?!?!?!?!

Um lanchinho com uns amigos muito especiais!!!, uma conchanata com morangos e chantilly, na gelataria do mesmo nome, na praça dos cafés... hummmmmmmmmmmm
Talvez um pouco cansada da vida, a Ti'Alice descansa os pensamentos sentada no areal, esperando quem passe e queira comprar uns carapaus secos, ou enjoados...
As minhas princesas esperavam-me assim, em conversa, no lugar do costume, onde as visito quando vou ao Sítio!
Pois é!, parece-me bem que sim!, mais obras, mais arrumações, mais lixo que se joga fora, mais tralhas e roupas encaixotadas...
Vou remodelar a minha casinha da Nazaré! Ainda não me curei destas obras e das mudanças e arrumações, e já me meto noutras!!! Temos que inventar espaços e sem poder "empurrar as paredes", inventamos maneira de acolher e aconchegar a família, quando aparecem todos...
Depois de encaixar e arrumar os haveres, há sempre lugar a um passeio pela frente do mar, dar dois dedos de conversa com os amigos que vamos encontrando, rever as minhas gaivotas que se embalam no areal, um passeio até ao Sítio, onde as minhas "siteiras" me esperam no muro da capelinha da Senhora da Nazaré...
Um almoço no Manel, peixinho fresquinho e bom, que o mar tem estado de feição e felizmente há bom peixe, à confiança!
E ao fim da tarde, depois de despejar um dos quartos, cá vamos até à praça dos cafés, descontrair, lanchar... desta vez um gelado, um belo e bom gelado! com uns amigos especiais...
e acabámos por ir jantar, ao Vitinho, no Valado dos Frades, que tem sempre petiscos deliciosos e bons grelhados!
E para a semana há mais!!! Porque também é tempo de férias e as crianças não têm escola, e as avós estão sempre presentes para os acolher, tem que se repartir o tempo e a disponibilidade...

quarta-feira, 1 de abril de 2009

Na serra da estrela





A serra ainda com alguma neve, e linda, como sempre!
As amendoeiras em flor, paisagens soberbas deste nosso Portugal!
e no arrebate das portas ainda se vêm as gentes das aldeias sentadas, pondo a conversa em dia!
Isto em terras de Viriato, na Serra da Estrela, onde encontrei esta cabine telefónica super original!
É sempre bom aproveitar a oportunidade de sair e ficar cá dentro, juntando até os amigos, andar por este nosso país, rever cantinhos e pessoas diferentes, deliciarmo-nos com a gastronomia tão própria que sabe tão bem...
Qualquer dia haverá mais, assim se proporcione a vantagem de se poder conciliar trabalho e passeio, em que aproveitamos melhor a viagem com um pouco de sabor a "férias"