quinta-feira, 29 de outubro de 2009

Até sempre Johnny B






Destroçados os corações da tua mãe, do teu pai, do Carlos...
destroçados todos os teus colegas de todos os clubes que por lá passaram, em Odivelas, no último adeus, João, e de todos nós, teus amigos, que mais ou menos de perto lidámos contigo na tua curta caminhada desportista
Palavras foram ditas e escritas em demasia, para quê? nada te poderá trazer de volta, nem me parece nessário tudo o que até acabaram mediaticamente e 'sensacionalisticamente' escrito... mas este jornal tem destas coisas...
Bem hajas, Johnny B, como te chamavam enquanto jogador no Turquel... e R.I.P.

16 comentários:

elvira carvalho disse...

Sem palavras que sirvam de consolo, deixo um abraço

Adolfo Payés disse...

Sin palabras.. hasta siempre.

Un beso


Un abrazo
Con mis
Sañudos fraternos de siempre...

Vieira Calado disse...

Paz, à sua alma!

A vida é assim, amiga.

******

Os meus livros já chegaram de Lisboa.

Amanhã começo a enviar a quem tão

amavelmente mo pediu.

Obrigado


Beijinho

gaivota disse...

elvira carvalho
sim, minha amiga, sem palvras
obrigada
beijinhos

gaivota disse...

adolfo payés
gracias por tus palabras
y hasta siempre!
besitos

gaivota disse...

vieira calado
e que Deus o tenha em descando e paz!
obrigada, amigo
esperarei pelo livro e farei a transferência logo que possível
beijinhos

Paula Raposo disse...

Qualquer palavra soa a oco. Sem ela, portanto. Um beijo.

Isa disse...

Sem palavras...mas com respeito e carinho.
Beijo.
isa.

gaivota disse...

paula raposo
sem mais, ficou a dor e todas as imagens da família e de todos os colegas e amigos neste último adeus
beijinhos

gaivota disse...

isa
com todo o carinho para um jovem de 28 anos e quem tanto se falou, demais!
que Deus lhe dê toda a paz
beijinhos

Manuela disse...

Que Deus o tenha.
Fico triste quando morre um jovem.
Os pais nunca deviam ver a morte de um filho, é arrasador.
Principalmente quando se está no local errado á hora errada.

Que tenha Luz.

Manuela

gaivota disse...

manuela
a morte de um jovem é sempre terrível, e nunca se chegará a saber a verdade do "acidente"...
pobres pais e masi família...
obrigada pelas palavras
fica em paz, joão
beijinhos

Filoxera disse...

A vida prega partidas... o pior é quando é nestas idades.
Um beijinho.

gaivota disse...

filoxera
e qye partidas! irremediáveis,
28 anos acabads de fazer... pobre familia!
beijinhos

Duarte disse...

Somo-me à vossa dor, é a dor de todos os que amamos este desporto, assim como o das pessoas de sentido comum.

Um abraço

gaivota disse...

duarte
obrigada pelas tuas palavras, pois sei bem o quanto também sentes e gostas desta modalidade
beijinhos