sexta-feira, 22 de janeiro de 2010

6 anos depois



é para ti, Mãe, com muita saudade, uma das vozes que mais gostavas de ouvir, um poema de dor e de vida

como sempre disseste, o melhor é o que fica por dizer!
por tudo o que está sempre presente, o nosso obrigada, uma casa cheia, com uma cadeira vazia!
e o nosso amor num beijo infindo...
os recados que deste na hora da partida e que ninguém cumpriu!
o respeito e o amor que não te dedicaram!
e a certeza de tudo o que sempre soubeste e a força de vida que transmitiste a quem sempre te amou...
que o teu caminho seja de muita luz e paz, muita paz, finalmente, Mãe!

32 comentários:

Adolfo Payés disse...

Un gusto siempre leerte..

Perdón por mi ausencia siempre es un gusto visitarte..

Un abrazo
Con mis
Saludos fraternos de siempre..

Que tengas un buen fin de semana...

RETIRO do ÉDEN disse...

Eata família do Retiro do Éden está hoje contigo e com a memória dessa tua querida mãezinha e nossa grande amiga de longa data.

Acredita que essa Senhora tua mãe, só poderá estar num lugar bem lindo que é no Reino do Senhor.

Tranquiliza-te amiga...que ela já cá não paira por este mundo, ela está cheia de Luz e Paz porque era um ser muito, muito, especial.

Bjs.sinceros
Forte Abraço
Mer e família

Lena disse...

Um beijinho Gaivota.........

Multiolhares disse...

O importante minha querida é o amor que ela sentiu de ti em vida, esse amor ela o levou para o lugar onde está e todos os dias ela te olha de lá e te protege com esse manto de amor
beijinhos

AFRICA EM POESIA disse...

vim dar beijinho.
estou feliz com o livro v~e nos teus amigos verdes quem quer e diz alguma coisa
um beijo

São disse...

Querida xará, para mim este é o melhor fado de Amália e ninguém consegue ultrapassar a sua interpretação.

Quanto à evocação tão sentida de tua mãe, te deixo o meu solidário abraço.

Que tenhas um excelente final de semana.

Vicktor disse...

Querida Gaivota

A falta dos pais é dolorosa... mas as memórias que guardamos dão-nos sempre alento para continuar.

Uma homenagem sentida que a todos nós sensibiliza.

Beijinho.

Maria Emília disse...

Linda música para dedicar à nossa mãe. Ela partiu, mas na verdade nunca deixou de estar connosco.
As boas memórias, as nossas histórias, são como flores perenes que florescem cada ano mais, quando as calmarias estivais derretem os gelos do Inverno da nossa dor, recomeçando a brotar a esperança, a renascer o amor.
Tenho saudades dos seus comentários no meu blog. Com a mudança de layout perdi os seguidores e ando agora a rebuscá-los para os encontrar novamente.
Um grande beijinho,
Maria Emília

Eduardo Aleixo disse...

Amiga gaivota, palavras de tanto amor as tuas, estou certo, porque sou crente, que tua mãe as ouve, no ceu, onde está. E foste buscar uma voz grandiosa, a da Amália, daquelas vozes que se elevam nos ceus e nunca morrem. Um beijinho.

EDUARDO POISL disse...

Que a minha solidão me sirva de companhia,
que eu tenha coragem de me enfrentar,
que eu saiba ficar com o nada
e mesmo assim me sentir, como se
estivesse plena de tudo".

Clarice Lispector


Desejo um lindo domingo para você.
Abraços com todo meu carinho

Filoxera disse...

A saudade fica, mas a lembrança é boa.
Um beijinho.

Teresa Calcao disse...

"As Maes nunca morrem"....
Beijinhos

Lilá(s) disse...

Um beijinho grande gaivota.

gaivota disse...

adolfo payés
gracias por tu presencia, espero que estés bien de salud
besitos

gaivota disse...

retiro do éden
sim, minha querida, está em paz!
obrigada pelas palavras
beijinhos a todos aí
em especial à nanã!

gaivota disse...

lena
obrigada
beijinhos

gaivota disse...

multiolhares
é verdade... de lá,onde esteja, o eterno mistério,
sempre aqui, presente!
beijinhos

gaivota disse...

africa em poesia
que bom estares contente com o teu novo livro!
viva o sporting, sempre
beijinhos
- estou à espera... -

gaivota disse...

são
querida xará, concordo contigo, este e muitos outros só mesmo na voz da grande amália!
obrigada pelas tuas palavras
beijinhos

gaivota disse...

vicktor
as memórias estão sempre vivas, são eternas, como a saudade...
beijinhos

gaivota disse...

maria emília
pois é, minha amiga, não deixam de estar conosco!
beijinhos

gaivota disse...

eduardo aleixo
nunca morrem...
há sempre a sua presença!
beijinhos

gaivota disse...

eduardo poisl
lindas palavras que aqui deixaste!
obrigada
beijinhos

gaivota disse...

filoxera
fica a saudade e sente-se a presença, sempre!
beijinhos

gaivota disse...

teresa calcao
nunca morrem, pois não, minha amiga!
beijinhos

gaivota disse...

lila(s)
obrigada, linda
beijinhos

Duarte disse...

São, que palavras mais belas, que emocionantes!
Palavras de mãe, palavras de sabedoria.
Fizeste-me recordar a minha.
Que verdade mais grande... mãe só há uma!

Um grande abraço com a emoção que me fizeste sentir

São disse...

Querida xará minha, te venho transmitir o convite de uma pessoa que está esperando por ti lá em casa, até porque sabe que muito te gosto.
Noite serena.

poetaeusou . . . disse...

*
linda
,
que a Paz
esteja com a tua Mãe,
em especial, a tua Paz ...
,
pilipares,
,
*

gaivota disse...

duarte
há só uma, duarte!
a nossa MÃE é sempre única!
muito me comoveste com as tuas palavras...
beijinhos

gaivota disse...

são
já lá irei, xará...
já estou "em pulgas"
beijionhos

gaivota disse...

poetaeusou
é por estas palavras que gosto de ti!!!!!!!!!!!
pilipares daqui com saudades